Você sabe como fazer monitorização química e biológica em autoclaves?

A monitorização nada mais é do que o controle de qualidade da esterilização. É indispensável de ser feito independente do  método de escolha para esterilização. Nesse post você terá uma idéia bem abrangente sobre esse assunto. Abordaremos a Monitorização química e biológica em autoclaves, e como você pode gerenciar esse importante  processo. Você também encontra nesse post como interpretar os resultados dos seus testes.

 

 

As falhas na esterilização podem ocorrer devido a erros:

  1. operador
  2. equipamento
  3. instalação
  4. falhas combinadas

A monitorização química e biológica detecta  falhas no processo de esterilização.

A monitorização compreende as etapas:

Monitorização Física

A monitoração física, em autoclaves como as da Cristófoli é realizada no consultório pelo próprio operador. Consiste em verificar se a autoclave atinge os parâmetros físicos de tempo/ temperatura e pressão de acordo com o ciclo, modelo e o Manual de Instruções Cristófoli que acompanha cada equipamento. A assistência técnica deve ser acionada, se isto não ocorrer. Em caso de dúvida entre em contato com a nossa Central de relacionamento com o cliente  CRC 0800 44 0800 (de segunda à sexta-feira das 9h ao meio dia e da 13h30 min às 16 h 30 m). Tenha em mãos o número de série do seu equipamento.


Monitorização Química

Realizada utilizando indicadores químicos.

Classe 1*

Os indicadores de passagem são normalmente encontrados em fitas zebradas, que indicam se um determinado pacote passou pelo processo, não garantindo, porém a sua esterilidade. Devem ser utilizados em todos os pacotes externamente.

Classe 4*

Existem indicadores químicos multiparamétricos que deve ser usado em cada pacote. Mostram que houve penetração de calor e vapor, mas não garantem a esterilização. SIL 250

Classe 5*

Integrador químico de uso interno, indicado para utilização em pacotes que serão esterilizados a vapor em parâmetros determinados mundialmente. Tem boa confiabilidade, porém em alguns modelos se a temperatura for acima de 140°C o indicador aprova o ciclo independente da presença de vapor, o que é uma limitação. STEAMPLUS

ATUALIZAÇÃO: O Steam Plus, foi uma conquista, pois ele contempla a margem de segurança do ciclo, e RESISTE 140°C a seco, portanto não apresenta resultado falso aprovado como alguns modelos.

Passou a ser o indicador químico integrador de escolha pelas suas vantagens:

  • pode ser utilizado em qualquer ciclo 134 ou 121, ou 129 graus
  • autoclaves gravitacionais e com vácuo
  • independe de leitura de cor – o resultado é inconfundível
  • com a ótima notícia de ter um preço bem convidativo.
  • Para armazenamento em folha de registro  pode ser usada uma cola bastão no verso, ou fita adesiva dupla face.

Classe 6*

Emuladores para temperatura específica, 121º C ou 134º C, em tempos específicos e pré-determinados. O emuladores Browne (5,3 min 134°C), foram testados e aprovados na Cristófoli para ciclos em autoclaves Vitale, 12, 21,  Vitale Plus 12 e 21 litros, Baby e Quadra. Devem ser utilizados rotineiramente. Prático, fácil de usar, de armazenar com leitura imediata.

As mais recentes recomendações  sugerem um indicador químico classe 4 dentro de cada pacote (AAMI e CDC) , um indicador químico classe 5 em cada carga (AAMI,  CDC, RDC15 para hospitais) e em cada pacote cirúrgico (AAMI).

Recomendamos que os indicadores classe 5 sejam utilizados pelo menos no primeiro ciclo de esterilização de cada dia de trabalho. Tem grande confiabilidade e demonstram que o ciclo apresentou todas as condições (temperatura em presença de vapor por tempo suficiente) para que a esterilização tenha ocorrido. EMULADOR TST

*(de acordo com a ISO 11140).


Monitorização Biológica

É a monitorização mais confiável, pois é feita com microorganismos tecnicamente preparados –indicadores biológicos– para demonstrar a esterilização.

  1. O que é um indicador biológico?

    São testes que vêm em tubos plásticos com tampa permeável ao vapor, com uma fita impregnada com uma população conhecida de esporos, separada do meio nutriente (líquido roxo), por uma ampola de vidro. Os esporos utilizados são de Geobacillus stearotermophilus, altamente resistentes ao calor úmido e não são patogênicos. São utilizados como desafio, pois uma vez tendo sido eliminados, todos os outros esporos e formas vegetativas também serão.

  2. Como fazer o teste biológico em minha autoclave?

    Coloca-se o teste dentro de um pacote, que irá passar pelo ciclo de esterilização da autoclave. Normalmente os hospitais utilizam o primeiro ciclo, e colocam o pacote teste no ponto mais frio da autoclave, que é embaixo junto ao dreno. Nas autoclaves Cristófoli coloque o indicador na bandeja superior, na parte frontal (junto à porta). Terminado o ciclo, abre-se o pacote recuperando-se o tubo plástico, aguarda-se 15 min. para que resfrie e perca a pressão. Aperta-se a ampola plástica (ativação) conseqüentemente quebra-se a ampola de vidro interna, expondo os esporos ao meio de cultura. Coloca-se para incubar o indicador teste, que passou por esterilização, em incubadora própria junto com outro indicador controle. O indicador controle não vai para autoclave, mas deve ser ativado da mesma forma.

  3. Qual a finalidade?

    É testar tanto a viabilidade dos esporos como verificar se a incubadora esta funcionando corretamente. O resultado esperado é que o controle mude de cor de roxo para amarelo. Esta mudança de cor é dada pela alteração de pH da solução que resulta da atividade microbiana. O teste não deve mudar de cor, pois o esperado é que os microrganismos tenham sido destruídos no processo de esterilização na autoclave. A leitura final é feita após 24 a 48h de incubação dos indicadores.

  4. Com que frequência preciso utilizá-los?

    A recomendação do MS, e da Vigilância Sanitária é o uso semanal dos indicadores biológicos e em todas as cargas que contenham implantáveis.A nossa recomendação é o controle biológico semanal, um emulador pelo menos no primeiro ciclo de cada dia e um de processo por pacote.

  5. Fita zebrada para autoclave é mesma coisa que indicador biológico? 

    Não, fita zebrada é um indicador químico, dito de passagem (processo ou classe 1), e só indica que o pacote passou pelo processo, não indicando porém a sua esterilidade.

  6. Os indicadores químicos são confiáveis?

    Os integradores e os emuladores são os indicadores químicos de maior confiabilidade, pois se utilizam vários parâmetros ao mesmo tempo, daí o seu nome. Mostram precisão do ciclo, o indicador classe 6 só mostra mudança de cor quando 95% do ciclo for realizado de acordo com o padrão. Embora não permitam a contraprova, como oferecem os indicadores biológicos, confere segurança da efetividade do ciclo.Os indicadores Steam Plus, classe 5, respondem aos parâmetros do indicador biológico e a sua faixa de aceitação inclui um adicional de tempo de  segurança na leitura. Aprovado pelo FDA e de acordo com os parâmetros da AAMI ST 79.

  7. Porquê usar tantos controles? 

    O ideal seria utilizar indicadores biológicos para cada pacote, o que custaria muito caro onerando o processo. Além disso, o resultado só ficaria pronto em média em 24h. Usando todos estes controles conseguimos monitorar o processo de esterilização mais rapidamente e a um menor custo, detectando alguma falha que possa ocorrer. Por melhor que seja o equipamento deverá monitorado e receber assistência técnica. Mas nós só saberemos que ele não está funcionando se for devidamente monitorizado.Imagine um implantodondista que descobre uma falha em sua autoclave depois que começa a perder seus implantes?!!!!Qual é custo de uma situação como esta?Esta é uma situação extrema e por este motivo fácil de ser entendida, pois muitas vezes, um paciente nosso adquire uma infecção em nosso consultório e não nos damos conta que isto aconteceu!


Prevenção é a melhor arma no controle de infecção.

Para sua segurança e nosso controle de qualidade os testes físicos são realizados inicialmente na Cristófoli através da validação das autoclaves, realizada por empresas de engenharia especializadas, para assegurar que os equipamentos atinjam os parâmetros de tempo, temperatura e pressão de acordo com a finalidade a que se destinam (esterilização). Além disso, são realizados testes de controle de qualidade nos componentes recebidos, e depois que a autoclave está pronta, são feitos ciclos monitorizando os parâmetros físicos, e com um indicador químico  integrador em cada autoclave. Este integrador  realizado acompanha cada equipamento produzido. Para complementar, cada lote de autoclaves produzidos em cada período é monitorado com indicadores biológicos.

Para facilitar a monitorização em consultórios, a Cristófoli lançou – Incubadora para indicadores biológicos de segunda geração. Distribuímos também indicadores biológicos em práticas embalagens com 10 unidades.

Acesse o Passo a Passo

Se tiver alguma dúvida, ou sugestão entre em contato conosco.

Veja os novos vídeos:

Monitorização Física e Química

Monitorização com Indicadores Biológicos  

Este post foi atualizado em 19/06/2017

Este é um POST TOP 10 ( um dos 10 posts mais acessados do 1 trimestre 2017)

Liliana Junqueira de P. Donatelli
Bióloga CRB 18469/01-D
Mestre em Saúde Coletiva- Faculdade de Medicina de Botucatu UNESP
Consultora de Biossegurança Cristófoli
E-mail- liliana@cristofoli.com
lilianadonatelli@gmail.com

Conheça Produtos relacionados a este Post: Basta clicar nos links sob a imagem

Indicadores Químicos e Biológicos Cristófoli 

 

 

 

 

Autor

Bióloga, Mestre em Saúde Coletiva, Coordenadora do Projeto Biossegurança em Odontologia, e mais recentemente do Projeto Biossegurança Beauty& Body Art, ambos patrocinados pela Cristófoli. Já ministrou mais de 500 palestras sobre o tema Biossegurança em Saúde e participa ativamente de entidades dedicadas ao Controle de Infecção em Saúde e Interesse à Saúde. É consultora em Biossegurança em Saúde da Cristófoli.

149 Comentários

  1. ricardo da silveira. Reponder

    BOM DIA .
    o que acontece se colar teste dentro da autoclave e a ampola teste ja estivesse quebrada , a algum risco ?


    • Olá Ricardo
      Não sei se entendi bem a sua pergunta. Vamos ver, o que você diz é que a ampola do teste biológico já entrou quebrada, ativada dentro da autoclave?
      Se sim, nào tem um risco para você nem para a autoclave em si no caso de estra dentro de um envelope. Mas o teste é inválido. Significa que você vai ter que testar de novo.
      Os pacotes devem ser reprpcessados, porque possivelemtne foi vapor do meio de cultura o que contamina os pacotes com matéria orgânica.
      Faça um ciclo só com água e verifique se ficou com algum odor desagrad;avel. Isso porque pode ter saído meio de cultura pelo dreno.
      Se isso aconteceu, tente fazer uns dois ciclos sem nenhum material dentro. Se persistir, busque uma assistência técnica para fazer uma limpeza da tubulação interna.
      No caso da ampola estra solta, e estotou, sugiro que você envie para manutenção para limpar a tubulação, pode ter ficado pedacinhos de vidro dentro dela e entupí-la.
      Atenciosamente,
      Liliana

  2. VIVIANNE MONTEZUMA Reponder

    Boa tarde Liliana, sou dentista e professora de ensino técnico e gostaria de uma informação que pra mim ficou controversa. No Manual da Anvisa diz que os pacotes devem ser arrumados na autoclave com o papel voltado pra baixo, porém nesse blog indica a colocação dos pacotes com papel voltado pra cima. Gostaria de entender melhor isso.


    • Viviane
      De fato esse é um ponto que discordo no manual da ANVISA. A melhor maneira na verdade, sempre que possível, é colocar na vertical. Especialmente em autoclaves gravitacionais o paple para cima ajuda a sai o vapor residual, e também no caso de ter um perfurocortante desprotegido, quando o pacote fica molhado durante o ciclo, se o pale estiver para baixo exsite uma maior probalibildiade de perfuração.
      Est recomedação dos papeis na vertical esta no livro do Dr C. Miller. E a recomendação do papel para cima, foi fruto de resultado de várias pesquisas, mas foram comunciações verbais e testes na fábrica. A mais destacada foi em uma aula do Dr John Molinari, outra grande autoridade no assunto. Ele tem um livro também, entretanto nao detalha a posiçao do pacote.
      Na verdade o que é importante é que o pacote receba vapor dentro, o que pode ser comprovado com o uso de um indicador no mínimo classe 4 dentro do pacote, que deve estar seco e íntero após a secagem. Se isso esta ocorrendo não tem problema.
      A recomendaçao visa minimizar as flahas de esterilização e secagem.
      Esepro ter ajudado você.
      Atenciosamente
      Liliana


  3. Olá!

    Como determino a quantidade de indicadores que irei utilizar para o meu estudo?
    Há alguma norma que determine a quantidade de acordo com o tamanho da autoclave ?

    Obrigado!


    • Paulo
      Para autoclaves de mesa, para indicadores biológicos o mais comum é usar apenas um indicador biológico em pacote desafio (ou que represente o maior desafio em seu serviço) no local indicado pelo fabricate da autoclave (determinado pela validação que o fabricante faz-ou deveria fazer).
      NAs autoclave Cristófoli na prateleira superior próximo à porta.
      Ficou aguma dúvida,entre em contato sempre que quiser!
      Abraços
      Liliana


    • Paulo
      Para autoclaves de mesa, uma ampola por autoclave é considerado adequado. Você deve usar um pacote teste desafio ou o pacote que voc6e usa que for o maior desafio para penetração de vapor na sua autoclave. por exemplo uma caixa cirúrgica.
      Veja o post que escrevei sobre pacote tste desafio:http://www.cristofoli.com/biosseguranca/pacote-teste-desafio/
      Espero que ajude vo6e.
      A norma que eu me baseio para as orientações é a ST 79 da ANSI/AAMI.
      Atenciosamente,
      Liiana

  4. Danilo Daniel Rodrigues Reponder

    Bom Dia Liliana, Meu Nome é Danilo Daniel ,sou TSB e Gostaria de saber o seguinte: No meu Registro de Ocorrências Químicas e Biológicas existem os seguintes Requisitos: Número de Registro, Número do Ciclo, Observações ou Medidas Corretivas Tomadas , Data e Assinatura. O Número do Registro serio referente a quê ? Ao Número do Lote? Poderia me ajudar?
    Muito Obrigado ,


    • OLá Danilo
      Nessa folha de registro, se você esta se referindo à folha que consta em nosso site, o número de registro é o do equipamento. Isso porque pode haver mais de um equipamanento no estabelecimento, ou você pode ao loongo dos anos subsitutuir o equipamento.
      Ajudou?
      Abraços
      Liliana


  5. Olá Liliana!Sou ASB em uma clínica odontológica, meu chefe pediu para eu estar pesquisando sobre o ciclo biológico da autoclave.Vi os vídeos e li tbm…mas confesso que fiquei um pouco confusa,sou nova neste ramo,gostaria que vc me ajudasse por onde começar..

    Muito obrigada!

  6. vania xavier vieira Reponder

    Boa tarde, gostaria de saber se um funcionário esquece de colocar um indicador químico em uma caixa cirúrgica isso como exemplo ou caixa de implantes para pacientes , isso é motivo para suspender uma cirurgia ? Tendo 10 caixas 1 não hhavia o integrador, temos outras rastreabilidade como Bowie Dick , fita autoclavavel que sei que só indica que passou pela esterilização mas não garante o processo, temos indicador biológico que é o mais seguro e em todas as cargas com materiais consigado são feitas. Em casa de emergência sem integrador , fazendo um teste biológico na carga a ser esterilizada garante o processo eficaz da autoclave? aguardo retorno.GRATA


    • Vania
      Veja que algumas decisões dependem de protocolo estabelecido pela clínica e por todo o histórico do estabelecimento. Se fosse uma decisão minha, seria motivo para suspender a cirurgia. Isso porque a presença do indicador químico (classe 5) aprovado é uma garantia de que o material recebeu o agente esterilizante na temperatura correta e pelo tempo correto. Outro motivo bem importante é que quando temos o indicador aprovado e colamos na ficha do paciente você tem uma prova física que tudo foi realizado de acordo com o protocolo. Se o funcionário esqueceu a melhor decisão é rejeitar a caixa. Mesmo que a outras 10 caixas tenham integrador (possivelmente não houve uma falha na esterilização), mas você perde a comprovação da caixa específica. O Bowie Dick é um teste da bomba de vácuo no primeiro ciclo do dia. Lembre-se que a monitorização é um todo, e quanto mais parametros/indicadores aprovados melhor, mas no caso de caixas cirúrgicas é necessário um integrador interno na caixa para maior confiabilidade do processo.
      O indicador biológico na carga é bom ( obrigatório no caso de implantes), mas no meu entendimento não substitui o integrador dentro da caixa.
      Muito possivelmente a caixa está estéril, mas não vale a pena aprovar pelos riscos que você corre se alguma coisa der errado.Por isso temos que ter um protocolo.
      Espero ter ajudado você.
      Liliana


  7. Ola Liliana,

    os indicadores biológicos são utilizados dentro de pacote desafio no primeiro ciclo do dia e quando existem artigos implantáveis. A minha dúvida é se é utilizado ele somente dentro de pacotes ou ele também é colocado solto na autoclave? Trabalho no setor de compras e gostaria de saber a utilidade do indicador biológico avulso ou em teste de pacote desafio (pcd).

    Agradeço desde já.


    • Olá Isabela
      Vamos lá!
      Use os indicadores biológicos sempre dentro de uma pacote. O ideal é que seja um pacote teste desafio, que pode ser construído no próprio estabelecimento, ou já comprado pronto. Veja mais nesse post
      http://www.cristofoli.com/biosseguranca/pacote-teste-desafio/
      Comprar solto dá mais maleabilidade de uso. Isso porque você vai precisar de pelo menos uma ampola controle para cada ciclo de incubação. Quando você compra o pacote teste desafio vem com um número fixo de ampolas controle que em soltas, mas junto com os pacotes.
      Explicou?
      Espero que sim!
      Abraços
      Liliana

  8. Pingback: #4 Segredos contidos na etiqueta do indicador biológico - Blog Biossegurança | Cristófoli

  9. Pingback: Registro de Monitorização da Esterilização em Autoclave Cristófoli - É só imprimir - Blog Biossegurança | Cristófoli


  10. Olá, sou manicure e micropigmentador, necessito fazer esses testes também? Se sim quais se adequam ao meu serviço, tenho uma amora 4litros…desde já agradeço (comprei recentemente, nunca tive uso com autoclaves)


    • Olá Thais
      Sim, os testes são recomendados também para manicures. A exigência porém varia de estado para estado. A minha sugestão é que você faça pelo menos um teste biológico mensal e coloque em cada carga (ciclo) pelo menos um indicador classe 4 (SPS250).Mantenha todos os resultados registrados para sua segurança.
      Atenciosamente,
      Liliana

  11. ERIKA FERNANDA GARCIA Reponder

    Olá Dra Liliana,
    Minha dúvida é a mini incubadora é ligada após o fim do ciclo da autoclave?


    • Olá Erika
      A minha sugestão é ligar junto com a autoclave. Por quê?
      Para já estar aquecida no fim do ciclo. Se não estiver, você já tem essa informação e tem tempo para verificar e corrigir a causa.
      Liliana

  12. Reinaldo F Silva Jr Reponder

    Olá Dra Liliana.
    Na monitoração química (processo de esterilização), é obrigatório utilizar além do indicador Classe I (fita zebrada lado externo dos pacotes), outro indicador, como por exemplo o Multiparamétrico (Classe IV)? Sou RT do Centro de Especialidades Odontológicas de Sta Bárbara D’Oeste, e por aqui, fazemos essa verificação apenas com o classe I, além é claro do monitoramento físico e biológico.
    Outras dúvidas são: O uso de estufas ainda é permitido? existe circunstâncias específicas? O Glutaraldeido também continua permitido? Obrigado pela atenção.


    • Olá Dr Reinaldo
      A
      Conforme já comentei várias vezes a legislação para odontologia não é clara na maioria dos estados e inclusive SP. Em termos de legislação é possível que seja aceito pela vigilância sanitária o que você esta fazendo. mAs no meu entendimento é muito pouco, em especial para um centro de especialidades. Sugiro usar pelo menos um classe 5 por dia ( e em todos os pacotes cirúrgicos) e um classe 4 a cada ciclo.
      Atenciosamente,
      Liliana


  13. Olá Liliana! Desejo saber como identifico se ocorreu falta de energia elétrica durante o processo de incubação. Desde já agradeço.


    • Ana Paula
      A importância da energia é fornecer a temperatura correta para o desenvolvimento dos microrganismos.
      Temos varias possibilidades:

      1)Energia caiu e não afetou o desenvolvimento dos microrganismos:
      O resultado não se altera (teste roxo- microrganismos não se desenvolveram, controle amarelo, microrganismos se desenvolveram). Tudo certo!

      2) Energia caiu e afetou o desenvolvimento dos microrganismos

      a)O resultado mostra para você:
      Duas ampolas roxas (sem desenvolvimento em ambas) Ótimo! Você consegui detectar o problema.

      Um indicativo é o resultado negativo da ampola controle.Significa que temperatura caiu a ponto de impedir a multiplicação dos microrganismos, tanto na ampola teste quanto na controle. Então você tem que refazer o teste, porque não é possível dizer se a autoclave esta realmente esterilizando. Certo?

      b) O resultado não mostra esse problema para você ( ampola teste roxa, ampola controle amarela) E agora?

      Por exemplo, se a ampola controle já estiver amarela quando a luz faltar. Isso porque demora mais para aparecer o amarelo na ampola teste (quando não houver esterilização), porque alguns esporos podem ter sido eliminados. Por esse motivo tempos que aguardar 24 horas. Veja que o resultado amarelo aparece na ampola controle já nas primeiras horas.
      E então…
      – Por isso indicamos realizar o teste logo de manhã. (se faltar luz você percebe)
      – Por isso é importante colocar um indicador químico de alta qualidade junto com o biológico

      A monitorização é um conjunto de ações, assim você diminui muito a possibilidade de erro.
      Espero ter esclarecido.


  14. Olá meu nome é Helioneide. Gostaria de saber. O teste biológico se deve ser feito no pacote de pano e qual a forma? e se está correto?.No vídeo ví que as âmpolas antes de ir para a incubadora não fechas as tampinhas só quebra está correto?


    • Olá Maria Helioneide
      Vamos lá…
      O teste biológico deve ser realizado dentro do pacote que represente o maior desafio dentro da sua instituição. Pode ser um pacote de tecido, se for esse o seu caso. De um modo geral estão em desuso. Outra possibilidade é o uso do paocet teste-desafo, mas é muito raro encontrá-lo no Brasil. Assim a maioria utiliza os pacotes de papel grau-cirúrgico porque é o pacote mais comum nos consultórios odontológicos.
      Quanto à ativação das ampolas, basta quebrar contra a parede da mini-incubadora como é demonstrado no vídeo. A tampa já se encontra na própria ampola, e por esse motivo (tem 3 orifícios na tampa) a ampola não pode ser virada ou sacudida.
      Esclareceu?
      Atenciosamente,
      Liliana


    • Olá Leniela
      As ampolas testes podem ser descartadas diretamente no lixo comum (D), e as ampolas controle devem ser autoclavadas dentro de um envelope com alodào em volta antes de serem descartadas no lixo comum. As ampolas teste que derem resultado positivo, isto é, crescimento bacteriano ( com amarela) recebm o mesmo tratamento das ampolas controle, isto é , autoclavação antes do descartes. Veja todos os detalhes no passo a passo:
      http://www.cristofoli.com/biosseguranca/wp-content/uploads/2015/07/PPI-Passo-a-Passo-Indicador-Biológico-Rev.2-2014-MPR.01016-4.pdf
      Atenciosamente,
      Liliana

      • Rafaela da Silva Reponder

        Boa Tarde Liliana, eu Trabalho num Hospital Municipal e houve um probleminha, uma colaboradora esqueceu de quebrar a ampola de teste biológico que deveria ser o controle, até onde eu sei o controle positiva, nesse caso como não foi quebrado o controle negativou, eu gostaria de saber se tem haver com não ter quebrado a ampola? E qual procedimento tomar quando isso vier a ocorrer, pois foram realizadas algumas cargas inclusive implantaveis cujo seus resultados deram exatos porem o controle estava errado. desde já obrigada.


        • Olá Rafaela
          Tem tudo! Quando a cor da ampola esta roxa é que não cresceu bactéria. No caso, ambas ( teste e controle) precisam ser quebradas para garantir que não cresce bactéria por causa da esterilização.
          Veja que se a ampola controle não foi quebrada não é possível dizer que o processo de esterilização foi bem sucedido. O certo seria recolher os lotes. Para isso você teria que ter rastreabilidade dos pacotes. O correto seria repetir o processo de esterilização com novos pacotes e novos controles.
          Tenho idéia do transtorno, mas o pior é a incerteza do processo. Certo?
          Atenciosamente,
          Liliana

  15. Liliane Rodrigues Reponder

    Olá , Liliana, gostaria de saber por exemplo, se eu fizer o teste amanhã de quanto em quanto tempo eu preciso fazer novamente o teste biológico?
    Aguardo resposta.Obrigada


    • Liliane
      Estabeleça um dia da semana. Minha sugestão é a segunda-feira. Assim você padroniza. A idéia não é fazer a cada sete dia e ir rodando os dias. Fica confuso.
      Abraços e se tiver mais dúvidas, fique à vontade para perguntar.
      Liliana


  16. Bom dia gostaria de saber qual conduta após contato manual com o teste, durante abertura do teste uma funcionária teve contato manual com teste qual conduta tomar


    • Olá Pâmela
      A conduta é lavar as mãos com água e sabão. Os microrganismos do teste não são patogênicos par ao homem. Mas ainda assim a recomendação é utilizar EPI. Qual foi a situação que levou ao contato? A situação mais comum é não aguardar o tempo recomendado para ativação. Como ainda resta pressão o líquido sai da ampola. Por isso certifique-se que o tempo esta sendo obedecido.
      Atenciosamente,
      Liliana

  17. Marcelo Sampaio de Mara Reponder

    Ola meu nome é Marcelo
    Quais são as condições ideais de armazenamento, antes de ir para a autoclave. Apos o término do ciclo preciso transportar o teste at´re uma encubadora. Como deve ser esse transporte e isso pode causar um falso positivo e porque:
    obrigado
    Marcelo

  18. Marcelo Sampaio de Mara Reponder

    Bom dia
    É possivel uma autoclave estar em perfeito funcionamento e apresentar teste biologico positivo?:
    O que pode causar teste biologico positivo?
    Transporte inadequado até uma encubadora ?
    Demora para fazer a incubação?
    Se a autoclave esta em seu perfeito funcio0namento . ela matará o micro organismo, como pode então acusar teste biologico positivo


    • Olá Marcelo
      Sim é perfeitamente possível. Por exemplo, quando você sobrecarrega a autoclave com muitos pacotes, o agente esterilizante (vapor) não consegue penetrar em todos eles, e então vai dar resultado positivo , pois a esterilização não aconteceu, mas não porque a autoclave precisa de manutenção, mas por erro do operador. Por esse motivo, temos sempre que testar a autoclave com materiais dentro e não vazia. A finalidade é testar o processo de esterilização como um todo e não somente o equipamento.
      Liliana


    • Marcelo
      Vamos por partes:

      O ideal é que você incube a ampola teste junto com ma ampola controle ( do mesmo lote armazenada no mesmo local), entre 15 minutos e 2 horas depois de terminado o ciclo de esterilização.

      O problema mais comum, quando ocorre a falha de transporte e armazenamento é dar um falso negativo. Isto é, você pensa que esta esterilizando e não está.

      A incubação leva em geral de 24 a 48 horas. depende do teste que você usar.
      Tem várias possibilidades para o teste dar positivo:

      O mais comum é excesso de pacotes, embalagem incorreta, falta de água ou equipamento necessitando de manutenção. Assista aos vídeos que você vai ver cada passo em detalhe.

      A autoclave pode funcionar aparentemente sem problemas (completa o ciclo), mas ter algum que não conseguimos detectar somente ao olhar seus parâmetros. Se fosse suficiente , não haveria necessidade de usar indicadores químicos e biológicos.
      Qualquer dúvida estou à disposição
      Liliana

      Videos :https://www.youtube.com/watch?v=b3vma50_h7U&feature=youtu.be

  19. Pingback: Monitorização Química na sua autoclave - Novo Vídeo! - Blog Biossegurança | Cristófoli


  20. Ola…Comecei a trabalhar em uma clínica de oftalmologia..onde os materiais são considerados todos sensiveis…A CME deste serviço é classificada como Classe II? a autoclave ainda não está instalada..pois estou vendo oq a vigilância preconiza…o modelo da autoclave é Vitale Class CD 21. quero confirmar quais os testes que a vigilância exige e como deve ser a sala de esterilização e materiais necessários para começar a usar a autoclave..Desde já agradeço


    • Olá Naiara. O que você chama de materiais sensíveis? Qual a cidade que você está? Vocês já procuraram a vigilância sanitária local? Ainda há alguma controvérsia em relação a enquadramento, por esse motivo sugiro que o responsável técnico entre em contato com a vigilância municipal.
      Atenciosamente,
      Liliana

  21. Ádamo Macêdo Reponder

    Como posso monitorar a limpeza do material? Quais os testes disponíveis? Como funcionam?


    • Há vários testes diferentes para monitorar a limpeza. Depende exatamente o que você quer checar. Existem testes para proteína, simuladores de sangue e dispositivos desafio. De uma modo geral são dedicados a testar termodesinfectoras. Há também um produto que avalia as ondas de ultrassom. Esse mercado ainda é insipiente no Brasil, mas com a publicação da RDC 15 esta avançando. O que mais se usa para monitorar a limpeza é a inspeção visual que pode ( e deve) ser implementada com o uso de lentes magnificadoras, que além de checar a limpeza ajudam a verificar a funcionalidade dos artigos.
      Espero ter ajudado você.
      Liliana

      • Ádamo Macêdo Reponder

        Obrigado pela resposta.
        Utilizo uma lavadora ultrassônica de pequeno porte. Gostaria de monitorar a limpeza feita neste equipamento. Como utilizo o produto que avalia as ondas de ultrassom? A Cristófoli tem este produto?


        • Ádamo
          A Cristófoli não comercializa esses testes. Um teste que é simples e feito nas lavadoras de pequeno porte nos EUA é o “foil test”, com folhas de papel alumínio. Depois de realizar a desgazeificação na solução, você segura uma folha de papel alumínio dentro da solução, sem constar nas bordas e liga o ultrassom por 20 segundos. A folha deve ficar perfurada. É um teste bem simples mas é mais qualitativo. Você pode perceber se as ondas estao funcionando ou não. Mas depois tem que limpar a cuba, e começar tudo de novo para usar na limpeza. Os testes comerciais existem, um deles é o SONOCHECK. Fácil de ler e bonito, mas pelo preço ainda é difícil de incorporar.
          Liliana


        • Olá Ádamo
          A Cristófoli não comercializa esse produto. Existe produto que avalia a presença das ondas de ultrassom, mas difícil de encontrar e com o preço que impossibilita incorporar na rotina na maioria dos serviços
          Liliana

  22. Ádamo Macêdo Reponder

    Olá, Liliana.
    No casos de clínica particular de oftalmologia em que se realiza cirurgia oftalmológica (de pequeno porte e de catarata e glaucoma).
    A CME deste serviço é classificada como Classe II?
    A clínica utiliza uma Autoclave AHMC-10 42l. Fazemos monitoramento semanal com Indicador Biológico (IB) (leitura 24h) e com Indicador Químico (IQ) Classe 5 em cada pacote. Está certo?
    Utiliza também uma Autoclave de ciclo flash (Statim). Como é o monitoramento na Statim? Pode utilizar o mesmo tipo de IB da AHMC? Deve-se fazer uso de IQ? Qual?
    A Statim pode se utilizada para esterilizar algum material entre cirurgias?
    Os indicadores IB e IQ podem ser alterados pelas condições de armazenamento e não funcionarem bem? Pergunto isto porque algumas vezes o comparativo não muda a cor e após novo ciclo com outras ampolas dá certo. Aconteceu também com alguns IQ (os últimos da caixa) que não apresentaram bom resultado, sendo que no mesmo ciclo outros de caixa (e lote) diferente apresentaram resultado satisfatório.
    Desculpe tantas perguntas! Obrigado antecipadamente.


    • Olá Ádamo
      Embora a RDC 15 seja bem detalhada, há alguns tópicos que para mim não ficaram claros e que tem interpretação controversa. Sugiro que você procure a vigilância sanitária da sua cidade e veja o enquadramento para que você não tenha problemas posteriores.
      De toda forma, digamos que seja considerada uma CME Classe II:
      – Biológico deve ser diário em pacote teste desafio

      – Uso de integradores classe 5 em cada carga (se vc esta usando em cada pacote ainda melhor-é a minha sugestão para cirúrgicas independente de ser enquadrada na RDC15 ou não)
      Independente da RDC15:
      – A StatIm tem o ciclo flash mas também tem um ciclo convencional com secagem que pode ser utilizado normalmente.
      – O ciclo flash so pode ser usado em emergências, e algumas empresas tem indicador biológico específico para ciclo flash. Os indicadores químicos classe 5 são iguais.
      – Sim os indicadores químicos e biológicos podem ser alterado pelas condições de armazenamento.
      Espero que tenha respondido e conte comigo!

      Liliana

  23. Andrine Tavares Reponder

    Boa tarde, Liliana. Sei que a RDC 15 exclui consultorios odontologicos, mas também exclui CME de grande porte, em caso de CME de curso de odontologia? Pois estou na dúvida quanto à frequência dos testes biologico e químicos (bowie e dick e classe 5)


    • Olá Andrine
      Essa dúvida é minha também. Infelizmente a RDC 15 não é clara quanto à isso. Já tive duas respostas diferentes da mesma pessoa e para a mesma pergunta …
      Veja, no meu entendimento uma faculdade de odontologia com autoclaves de grande porte é equivalente a um hospital, pelo volume de materiais que processa. Sendo assim, acho prudente obedecer a RDC15. Se a sua autoclave for até 100 l e gravitacional não cabe usar Bowie Dick. Se alguma autoclaves for pre-vácuo independente de tamanho ( e independente de RDC15) tem que fazer o Bowie Dick diariamente em ciclo próprio.
      Ajudei?
      Espero que sim. De toda forma estou à sua disposição.
      Atenciosamente,
      Liliana

  24. Adriana marcia Siqueira Cavalcante Reponder

    Olá Liliana
    Sou enfermeira de central de material e esterilização de um hospital particular, e tenho uma duvida, aonde eu trabalho temos temos os teste biologico, liberador de carga e integrador classe 5 todos da 3M, e recebi um indicador emulador classe 6 da BROWNE para teste e possivel padronização, minha pergunta :
    quando usalos ? Em todos os pacotes ?
    Atenciosamente

    Enf.ª Adriana


    • Olá Adriana
      Com a RDC 15 ficou um pouco mais complicado, uma vez que não há pacotes teste desafio com indicadores classe 6. Os indicadores Classe 6 da Browne são ótimos, porém a indicação de ciclo tem que ser precisa. Você tem que ter o ciclo validado, e o indicador classe 6 tem que ser específico para o ciclo.
      Espero ter ajudado você.
      Liliana


  25. Olá Liliana, sou responsável técnica do hospital particular da minha cidade, neste possui se uma autoclave FABBE analógica horizontal de 104 litros. Gostaria de saber a eficácia do sportest neste modelo de autoclave.
    Lembrando a mesma é utilizada para esterelizar todos os materiais cirúrgicos do hospital.


    • Olá Débora
      Você pode usá-lo lembrando que o teste biológico em hospitais deve ser realizado diariamente , de acordo com a RDC 15.
      Abraços
      Liliana


  26. Sabemos que os testes biológicos em autoclave são semanais, a dúvida é qual o número exato de ampolas para o teste, pois há dúvidas. No momento são utilizadas 3 (três) ampolas por máquina e a farmacêutica diz que 1(uma) apenas é necessária para o teste. Qual seria o procedimento correto?


    • Olá Paula
      De um modo geral usa-de mesmo uma única ampola, no local que representa o maior desafio para o equipamento. Nos estabelecimentos sujeitos à RDC15, obrigatoriamente em pacotes-desafio.
      Atenciosamente,
      Liliana

  27. Marina de Andrade Lima Reponder

    Boa noite. Trabalho, sou a responsável tecnica, em uma empresa de grande porte que oferece serviços de ginecologia, odontologia e pequenos procedimentos como suturas aos seus colaboradores. Dispomos de duas autoclaves à vapor uma Cristófoli Vitale 21L e uma AHMC.São realizadas cargas diárias de instrumental para esses procedimentos.Vamos começar a fazer os testes agora. Entretanto ainda me sinto confusa quanto a periodicidade.O teste biológico deve ser realizado semanalmente e o integrador químico clase 4 ou superior diariamente. É isso? Desde já agradeço.Marina


    • Olá Marina
      Entendo perfeitamente. A legislação da mesmo margem para confusão. Alguns serviços com uma complexidade como o seu ficaram numa categoria difícil para classificar.
      Você pode começar como você relatou:
      O teste biológico deve ser realizado semanalmente e o integrador químico clase 4 ou superior diariamente..
      Sugiro classe 5 (SteamPlus) diariamente no primeiro ciclo e classe 4(SIL _250) em todos os pacotes internamente (é bem acessível o custo) e você terá um ótimo controle, e o SPorTest Semanalmente (sugiro na segunda-feira)
      Abraços
      Liliana


  28. Olá gostaria de ter uma informação uma colega minha no hospital se perfurou com a ampola do biológico, pois o menos ja tinha ido na autoclave na hora de incubar na incubadora ela furou dedo ela core algum risco? Obrigado


    • Olá Juliana
      Em princípio não, pois os microrganismos não são patogênicos, e como você mesma alega, os microrganismos devem ter sido eliminados pela autoclavação. Entretanto todas as providencias devem ser tomadas, como lavar o local com água e sabão líquido e procurar o serviço de medicina do trabalho do hospital para acompanhamento, em especial se houver alguma irritação local.


  29. Boa Tarde!

    Sou do Maranhão uma colaboradora do hospital ao realizar o teste a tampa rombeu e o liquido foi até o olho dela o que faz?


    • Olá Angélica
      Lavar abundantemente com soro fisiológico. Possivelmente porque foi ativada antes dos 15 minutos. O ideal é manipular sempre com EPI, embora esse microrganismos não sejam patogênicos.
      Vou mandar um e-mail para entrar em contato com você.
      Atenciosamente,
      Liliana

      OBS-Somente para esclarecer – Ao telefonar para o serviço, conversei com a funcionária, e não foi no olho, foi no rosto que estava muito próximo à incubadora. Fica o alerta – independente dos microrganismos não serem patogênicos qualquer corpo ou líquido estranho em mucosa ocular requer cuidados.

    • Gilvania Carvalho Reponder

      Olá Liliana, no manual da incubadora Cristofoli não há informação sobre manutenção, há necessidade, se positivo qual seria o tempo ideal para fazê-lo. Qual o tempo de vida útil deste aparelho. Abraço.


      • Olá Gilvania
        Esse é um equipamento que não existe uma manutenção preventiva e por esse motivo não consta no manual. De um modo geral o que vai dar a informação para você:
        _ é o resultado positivo para crescimento bacteriano da ampola controle do indicador biológico.
        _ A luz acesa do led
        _ ao colocar a ampola você sente o calor da incubadora
        _ Você também pode medir a temperatura, mantendo um termômetro em um dos orifícios. A temperatura de operação é entre 56 e 60oC.
        Atenciosamente,
        Liliana

  30. Luiz Sérgio N Vidal Reponder

    Boa noite. Numa clínica de pequenos procedimentos em dermatologia, 1 vez por semana. É necessário fazer o controle biológico semanal? Onde posso encontrar modelos de controle de qualidade do processo de esterilização da autoclave com o teste biológico? Que tipos de controle deve ser usado e exigido legalmente? Estamos regularizando esses processos solicitado pela vigilância sanitária. Desde já agradeço.


    • Olá Luiz Sérgio
      A monitorização da esterilização não depende de quantas vezes você usa a autoclave na semana. A legislação não entende dessa forma, até porque um equipamento que é pouco usado, é mais divicil de detectar o erro.
      A legislação para consultórios individuais não é muito clara, mas sugiro que você siga pelo menos o que tem sido recomendado para Odontologia:
      Um indicador biológico semanal e você como só faz um ciclo, nesta carga deve ir também o indicar químico de maior qualidade (no mínimo classe 4, melhor classe 5).
      Em cada pacote, no mínimo indicador químico de processo (Classe 1 aquele que já vem impresso no grau-cirúrgico), se você usar papel crepado, deve usar fita para autoclave.
      Abraços
      Liliana


    • Bom dia Rosana
      A carga que traz o indicador biológico deve refletir uma carga normal de uso. Se for muito mais leve dos que a sua rotina o teste não reflete a sua situação. Você esta testando a autoclave, mas não o seu processo, uma vez que há cargas com muito mais pacotes. O teste deve representar o maior desafio.É sempre interessante (mesmo que ainda não seja legislação para o seu caso), complementar a monitorização biológico com indicadores químicos internos como os de classe 4 e 5.
      Espero ter ajudado você.
      Liliana


  31. Boa tarde
    como faço o cálculo de materiais que possam entrar em uma autoclave de 254lts?


    • Olá Ana
      O mais correto é você validar com uma empresa de engenharia e padronizar os ciclos. Se ainda nos for possível para você monitore internamente os pacotes ( pelo menos com um classe 4 a cada pacote e um Classe 5 em pacotes desafio a cada carga). Que tipo de serviço é o se? Veja – que se o seu serviço for sujeito à RDC15 não dá para escapar da validação.
      Espero ter ajudado você.
      Liliana


  32. oi bom dia uso minha autoclave somente duas vezes por semana e faço teste uma vez no mes eu posso continuar assim


    • Olá Jeane
      Independente do número de vezes que você na semana a monitorização deve ser semanal. Não há previsão na legislação para um frequência menor com um uso menor.
      Espero ter ajudado você,
      Liliana


  33. OLÁ…..GOSTARIA DE SABER SOBRE ESSA DÚVIDA QUE TENHO. EU FAÇO O TESTE BIOLÓGICO UMA VEZ NA SEMANA , E DEPOIS A ENCUBAÇÃO CORRETAMENTE TUDO FICA APROVADO O TESTE ANTES DA ESTERELIZAÇÃO ESTÁ NA COR ROXA E DEPOIS NA ENCUBAÇÃO CONTINUA NA COR ROXA (APROVADO) E CONTROLE ANTES NA COR ROXA DEPOIS NA ENCUBAÇÃO FICA NA COR AMARELA(APROVADO), MAS TEM UM RPOBLEMA A TARJA QUE FICA NO TESTE QUE FOI AUTOCLAVADO MUDA MUITO POUCO A COR, AS VEZES METADE FICA COM A COR NORMAL(A COR DE ANTES DE SER AUTOCLAVADO) E METADE MUDA A COR (ESCURESSE) NESSES CASOS COMO POSSO COMPROVAR QUE O MATERIAL ESTÁ ESTERELIZADO SE A COR NÃO FICOU TODA ESCURA, E POR QUE SERÁ QUE ESTÁ ACONTECENDO ISSO SE PELA LEITURA DOS TESTES ESTÃO CORRETOS?O QUE FAZER ME AJUDEM…


    • Olá Lucinéia
      Bom dia. Pode acontecer um problema com o indicador químico de processo da etiqueta. Experimente trocar a marca do indicador e veja se o problema se resolve.
      Atenciosamente,
      Liliana


  34. Na verdade é uma pergunta.
    Quando vamos quebrar a ampola para o teste ser analisado e a ampola quebra e o líquido entra em contato com a pele,o q fazer?
    Tem algum perigo?


    • Danielle
      Usualmente isso não acontece, pois a ampola plástica protege o conjunto, e você deve quebrar a ampola contra a parede da mini-incubadora para evitar esse transtorno.
      Se o líquido entretanto extravasar, em principio não há risco, pois esses microrganismos não são patogênicos para o homem. De toda maneira, devemos evitar o contato e se isso ocorrer lavar abundantemente com água e sabonete líquido para mãos.


  35. Desculpa me confundi no comunicado… realizo o teste biológico semanalmente… a angevisa me solicitou o teste diário?? Qual seria o teste diário??


  36. Boa noite. Sou enfermeira do cme… a angevisa veio no setor e disse que teria que fazer o teste biológico diário??? Que teste seria este??? O que eu realizado de teste e o semanalmente este das ampolas.. qual seria o semanalmente????


    • Olá Josilene
      O teste biológico ara hospitais deve ser realizado diariamente e a legislação difere para odontologia por exemplo. Essa exigência esta baseada na RDC 15 que é não engloba consultórios odontológicos entre outros serviços. Antes de 2010 também era semanal para hospitais. Conclusão, Josiane, a solicitação de vigilância procede.
      Abraços
      Liliana


  37. Ola Boa Noite

    Esses dias meus testes biológicos não estavam mudando de cor, troquei a incubadora, porem o problema permanece. No entanto meus testes com integradores e bowie-dick tem sido validado. O que podera ser?


    • Olá Maria
      Há muitas possibilidade, uma você já checou que é a incubadora. Pode ser a tomada também. Esta quebrando direitinho as ampolas? A incubadora esta aquecendo?
      Se um dos produtos for da Cristófoli você pode ligar para o CAC 0800 44 0800.
      O Bowie Dick é outra coisa…
      Abraços
      Liliana


  38. Olá, tudo bem….. estou começando agora fazer esterelização e tenho algumas dúvidas. Trabalho no consultório odontológico do Postinho de Saúde da minha cidade, e tenho que fazer esterelização nos materiais odontológicos, qual seria a maneira correta??? A autoclave é de 21 l , qual teste tenho que usar, o biológico, o químico ou bowie dick???? É todos os dias que se usa os testes??? E qual é a validade correta do material esterelizado em papel grau cirurgico, 7 dia, 30 dias,,,????Quando coloco o envelope grau cirurgico na autoclave com o material tem que colocar o plástico para cima ou para baixo???Existe algum site que eu possa imprimir como fazer corretamente esses procedimentos?? Me ajuda por favor….já procurei em vários sites e nada, até na anvisa mas não consegui nada que me ajudasse…..Desde já agadeço, obrigado


  39. Oi Liliana, comprei o Integrador Steam Plus e estou testando minha autoclave, porém, percebi que mesmo chegando na pressão adequada o teste as vezes dá negativo, e por outro lado, há ciclos em que a temperatura não alcança o ideal (recomendado pelo fabricante) mas o teste aponta positivo. Poderia ser um problema com os testes? Com a autoclave? Ou com ambos? Obrigado.


    • Olá Adriano.
      Mais fácil ser com a autoclave.
      Você já fez a manutenção preventiva da sua autoclave? Veja, que mesmo o teste virando, isto é aprovando, se der alteração na temperatura, quer dizer que mesmo sendo capaz de fornecer a temperatura e condições ate adequadas o sensor não esta demonstrando, o que exige manutenção, independente do resultado do indicador químico. De novo, se o parâmetro físico da autoclave ( o mostrador), apresenta problema, mesmo que a esterilização esteja ocorrendo (como indica as condições do Steam Plus que é bem preciso e exigente), o seu mostrador precisa manutenção, pois ele não esta indicando corretamente, ou a autoclave não esta realizando o ciclo como deveria. Deu para entender?
      É para isso mesmo que seve o indicador…
      Abraços
      Liliana


    • Um laudo para teste biológico pode ser emitido por laboratórios habilitados. O usual é que cada serviço faça a sua monitorização, e o responsável técnico responde pela sua esterilização. Por exemplo, um consultório odontológico pode fazer a sua monitorização, com o dentista ( responsável técnico assinando e supervisionando o trabalho da ASB), sem ter necessidade de fazer com laboratório, porre;m não pode fazer para terceiro ( outro consultório por exemplo). Qual a sua demanda de um laudo externo?
      Liliana


  40. ola eu tenho uma duvida …realizei teste biológico e depois coloquei na encubadora esperei 48hs e o teste ficou roxo mesmo mas o piloto também ficou roxo sabe me dizer por que?


    • Há várias possibilidades Kátia. Primeiro verifique se você quebrou a ampola e o líquido entrou em contato com o papelzinho no fundo. Outra possibilidade é falha de energia na incubadora. Para mais detalhes acesse o passo a passo para o indicador biológico no post que você encontrará mais opções. De toda forma, não podemos considerar que o teste foi aprovado, pois não conseguimos validar com o controle.
      Liliana


  41. Olá tenho um consultório odontológico, realizo os testes citados, mas gostaria de saber se vocês tem modelo de formulário para anotar os resultados obtidos.

    att

    Drª Elaine

  42. Fabiana Nóbrega Reponder

    Boa noite, trabalho com apenas 1 manicure e tenho uma vitale 12L, realizo 2 a 3 ciclos de esterilização por semana na minha autoclave. Gostaria de saber qual a frequencia de uso exigida pela ANVISA para indicador quimico e biologico e se existe a obrigatoriedade de realização do mesmo ou é apenas uma orientação de boas práticas. EStou passando por um processo de fiscalização e não tenho estas respostas. peço que me ajudem.


  43. Ola tenho uma duvida trabalho em uma clinica de endoscopia e esterelizamos pinça e gaze, neste caso devo ultilizar somente o integrador biologico ou o quimico tambem e qual a periodicidade. Obrigada

  44. maria José Miranda Reponder

    Prezada Liliane,

    Estou iniciando nos controles da minha autoclave, assistindo seu vídeo, você coloca que devemos arquivar os documentos e planilhas de controles por 5 anos, por favor em que legislação (ANVISA) isso esta baseado?
    Aguardo,

    Um abraço

    Maria José Miranda


    • Olá Maria José
      Vou verificar se tem uma legislação específica que trate deste assunto, mas ouvi do Dr Luiz Fonseca, que na época era da ANVISA, que todos os documentos sujeitos à fiscalização da vigilância sanitária devem ser mantidos por 5 anos, em uma reunião da ABIMO.Antes disso já fazíamos essa recomendação que é bastante usual para vários documentos para serem apresentados a autoridade, como por exemplo para receita federal.
      Liliana


    • Karine
      O controle físico é realizado com o controle dos parâmetros físicos da autoclave: Tempo , temperatura e pressão, que s!ao visíveis no painel da autoclave.
      Esclareceu?


  45. Olá, comprei recentemente a mini incubadora da Cristófoli mas não consegui baixar o livro de registros, aonde posso conseguir esse livro de monitorização?
    Obrigado


      • Obrigado Liliana,
        Tenho uma outra dúvida, que não encontro a resposta em lugar algum. Tenho uma autoclave com bomba de pré vácuo da Sercon. Uso para autoclavar caixas cirúrgicas, campos e outros utensílios Veterinários. É necessário o uso tanto do Indicador biológico quanto o integrador químico? ou apenas um deles? qual a periodicidade de cada um deles?


        • Olá Fernando
          A questão é controversa porque nào tem uma legislação clara para veterinária.
          Penso que independente de legislação, é importante você fazer os controle adequados para o seu equipamento. Como a sua máquina tem pré-vácuo, você deve realizar um teste de Bowie Dick a cada dia de uso ( é um ciclo específico qe o fabricante deve informar o ciclo para você executa-lo).
          Digamos então que você use diariamente a sua autoclave . No meu entendimento você deverá NO MÍNIMO:
          Conferir os parâmetros físicos da autoclave a cada ciclo
          Uma vez por dia( primeiro ciclo) fazer teste Bowie-Dick ( par testar a bomba de vácuo)
          EM todos os pacotes – teste químico classe 1 ( ou de processo) externo
          interno classe 4 em cada pacote
          ou
          classe 5 nos pacotes cirúrgicos
          1 vez por semana indicadores biológicos.
          Lembre-se de registrar todo o processo.
          Espero ter ajudado você!
          Abraços
          Liliana

  46. Liliana Rodrigues Reponder

    Boa noite Liliana.
    Existem varias marcas de indicadores para controle biologico no mercado. Todas são de confianca? como faco pra saber se determinada marca me oferece seguranca? Obrigada


    • Olá Liliana
      Bom dia!
      A maioria é confiável. Existem pequenas variações de quantidade de microrganismos, e de caldo de cultura, isso pode dar diferença entre marcas, ou de lotes na mesma marca em termos de tempo de resposta. O fundamental é certificar-se de estar fazendo tudo direitinho – quebrando as ampolas, que o líquido esta embebendo corretamente o papel no fundo da ampola, sem bolhas, sempre usando uma ampola controle para cada incubação. Verifique o tempo de resposta da ampola controle. E claro procure usar uma marca que dê a você o suporte necessário.Nós estamos comercializando o SporTest e estamos bastante satisfeitos, porque usamos na fábrica para testar os processos, no nosso caso usamos mais de uma marca para que possamos estar sempre comparando.
      Qualquer dúvida entre em contato.
      Abraços
      Liliana


  47. Boa Tarde!trabalho em uma unidade saúde do municipio de Juazeiro BA, a auto clave da unidade termina o ciclo de 15 min deixando o material todo molhado e ciclo de 30 min o material sair seco , a fita zebrada nos dois ciclo sai escura, o que fazer?


    • Olá Marinalva. Se a sua autoclave for Cristófoli, a melhor escolha é ligar para o 0800 44 0800 de segunda a sexta-feira das 9 às 17 horas tendo em màos o número de série do seu equipamento. Pela sua descrição não parece ser. Não é correto o material sair molhado. Tem alguma coisa errada. Pode ser inclusive excesso de material. Veja que a mudança de cor da fita não garante a esterilização.Entre em contato com a assistência técnica do seu equipamento.
      Espero ter ajudado você.
      Abraços
      Liliana


  48. Boa tarde, sou odontóloga e gostaria de informações sobre valor e como adquirir.Atenciosamene


  49. oi posso fazer uma carga so com teste desafio sem carga,,,as vezes demora aparecer material…mas fico mas tranquila sabendo que a a auto vai ficar lberada para as outras cargas que vir…rose…

  50. Liliana RODRIGUES Reponder

    Gostaria de saber se na mini incubadora cristofoli posso usar apena indicadores biologicos da cristofoli?. E que trabalho em uma unidade de saúde em que os indicadores são de outra marca, porem gostaria de adquirir a mini incubadora da cristofoli. Mas como os indicadores continuarão sendo adquiridos por licitação não teremos uma unica marca de indicador sempre.
    Obrigada

  51. Reinaldo F S Jr Reponder

    Bom dia, Dra. Liliana
    Li e reli a portaria 500 da ANVISA parte I, e a RDC no 15, porém não achei a periodicidade determinada para o teste biológico em consultório odontológico. Aqui estamos atuando em um Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Na verdade a RDC, sugere qaue seja fieto diariamente (seção X art. 99). Fiz a interprtação da lei correta, Dra?


    • Olá Reinaldo. É confuso.
      Você tem razão e a Portaria 500 é da VISA do Rio Grande do Sul específica para consultórios odontológicos solicita semanalmente, enquanto a RDc15 pede diário. O fato é que em princípio,consultórios odontológicos ficaram fora da RDC15. Mas há uma controvérsias em relação à interpretação. Veja o texto:
      Parágrafo único. Excluem-se do escopo desse regulamento o processamento de
      produtos para saúde realizados em consultórios odontológicos, consultórios
      individualizados e não vinculados a serviços de saúde, unidades de processamento de
      endoscópios, serviços de terapia renal substitutiva, serviços de assistência veterinária.

      Estive na semana passada em um simpósio da ABE no Rio de Janeiro, e o Dr Luiz Fonseca da ANVISA, alega que consultórios odontológicos individualizados ficam de fora, mas os que estão em um serviços de saúde estão sujeitos a RDC15.
      No meu entender ainda falta esclarecimentos. Pelo texto eu entendo que os consultórios odontológicos de um modo geral estão excluídos e conversando com vigilâncias que fazem a fiscalização dos serviços não vejo mobilização na fiscalização de consultórios odontológicos perante a RDC 15.
      Em que cidade você está?
      Atenciosamente,
      Liliana

  52. andreia simone mattos Reponder

    quero saber como conseguir esse livro de monitorizaçao de esterilizaçao (registros)….sou dentista e comprei a imcubadora para fazer os teste biologicos……..aqui no manual diz para baixar o arquivo mas nao sei como obrigado.


  53. Gostaria de saber sobre o emulador classe 06…vi que existem vários tipos de tempos…qual escolher? 3,5…4…5…7…9 minutos? qual devo usar?o classe 04 ou o classe 06?

    Abraços

    Fabrizio


    • Olá Roberto Já solicitei o contato e a Lucilene da fábrica me retornou, dizendo que falou com você. Tenho certeza que você ficará muito satisfeito. Qualquer dúvida estou à sua disposição.
      Abraços
      Liliana


  54. Boa tarde gostaria de saber como faço as anotações desses testes no meu livro de controle preciso colocar todos os campos ou posso colocar somente o dia
    e a hora que entrou na autoclave??? Por favor preciso dessa informação!


  55. Ola gostaria de saber apos o teste a leitura do mesmo, há a necessidade de colocar na autoclave o controle pra acabar mesmo com as bacterias ou somente descartar no lixo hospitalar.]

    :Grato


    • Olá Marcos.A melhor opção é autoclavar e descartar no resíduo comum, pois estará descaracterizado, obedecendo a RDC306.Quanto menos resíduo infectante for gerado melhor.Parece pouco, mas vai juntando…E a atitude de gerar menos infectante e pensar na geração do resíduo é que transforma. Saímos da zona de conforto. É o pensamento da ANVISA em relação ao controle, pois na atual RDC15 é a recomendação, embora a RDC 15 não atinja todos os serviços, recomenda tratamento prévio do controle (e testes positivos) antes do descarte.

  56. Patricia Ackermann Reponder

    Bom dia.
    Recebi a visita da vigilância sanitária em meu consultório e me pediram para procurar um laboratório para fazer um teste bacteriológico da autoclave. Moro em Salvador a pouco tempo e ainda não conheço muita coisa por aqui, por isso não sei qual laboratório faz esse tipo de teste aqui na cidade.
    Tenho uma autoclave cristófoli 12l. ,sou dentista e queria uma ajuda para saber como proceder para fazer este teste bacteriológico com laudo de um laboratório.
    Desde ja agradeço a atenção, Patricia.


    • Olá Patrícia
      A Vigilância Sanitária eventualmente pode solicitar que um laboratório realize o teste biológico. Você como responsável técnico do seu consultório pode se responsabilizar pelo teste biológico realizado dentro do seu consultório, assim como pela sua esterilização.
      Você sabe como realizar o teste biológico em seu consultório? Entre em http://www.cristofoli.com/cristofoli/pt/manuais/PassoPassoIndicador.pdf .
      No consultório fica mais fácil você acompanhar o resultado, além de poder tomar uma providência mais rapidamente. Espero tê-la ajudado.
      Atenciosamente Liliana Junqueira de P Donatelli

Deixe uma resposta