Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Apresentação da Empresa Fundada em 1991, a Cristófoli Equipamentos de Biossegurança é empresa líder em vendas de autoclaves de mesa no mercado nacional, já fabricou mais de 240 mil autoclaves para o Brasil e para mais de 30 países para onde exporta parte de sua produção. Os equipamentos fabricados pela Cristófoli são altamente funcionais, combinando tecnologia, design e sistemas diferenciados para atender cada vez melhor os seus clientes. Administrada pela família Cristófoli, tem sua sede na Rodovia BR-158, nº 127, em Campo Mourão, Paraná, Brasil. Fabricante e importadora de produtos para a saúde, a empresa tem vários diferenciais que a fazem uma das melhores do Brasil. Visão Ser referência mundial na área de saúde por crescer com criatividade, lucratividade e respeito às pessoas. Missão "Desenvolver soluções inovadoras para proteger a vida e promover a saúde". Histórico A Cristófoli se destaca por sua criatividade e inovação que há mais de 20 anos ajuda a construir a nossa história com invenções e produtos revolucionários para proteger a vida e promover a saúde. Certificações A conquista de um certificado é a aprovação para um sistema de gestão baseado em normas internacionais. É uma moderna ferramenta de administração e marketing que atesta a eficiência da empresa em determinada área para seus acionistas, clientes e mercado. Entretanto, para que uma empresa possa ser certificada, primeiramente um sistema de gestão deve ser implantado. Um sistema de gestão normatizado é a ferramenta mais moderna que existe para administrar informações, processos e pessoas envolvidas com uma ou mais atividades da empresa visando aumentar efetivamente sua eficiência. Clique nos certificados para visualizá-los. CERTIFICAÇÃO ISO 13485:2004 TUV MINISTÉRIO DA SAÚDE: AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO DA EMPRESA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO MOURÃO: ALVARÁ DE LICENÇA LICENÇA SANITÁRIA E DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL INSTITUTO AMBIENTAL DO PARANÁ: LICENÇA DE OPERAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO - 10363350016 CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - AUTOCLAVES CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - CUBA DE ULTRASSOM Fundação Educere A Fundação Educere é um Centro de Pesquisas e Desenvolvimento na área de biotecnologia, cujo foco principal é a incubação de empresas a partir de um projeto social inovador que atua na formação de jovens com potencial empreendedor. A instituição fornece suporte para o desenvolvimento de novos negócios voltados para a difusão e transferência de tecnologia na área biomédica, e é referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos inovadores e que agregam valor tecnológico, que estão presentes em todo o território nacional e em diversos países da América, Ásia e Europa. Visão Tornar Campo Mourão referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos de saúde. Missão Descobrir e potencializar novos talentos para desenvolver um mundo melhor.

Quando você vai a uma Festa Junina pensa em Biossegurança? O que pode dar errado?

Eu adoro Festa Junina, milho verde,pipoca, canjica, quentão, fogueira… e aquele cheirinho de fumaça? O mais legal é quando tem fogos também. Mas, o que tem a ver Biossegurança em Festa Junina?

Vamos lembrar do conceito de Biossegurança:

“É o conjunto de ações voltadas para a prevenção, minimização ou eliminação de riscos inerentes às atividades de pesquisa, produção, ensino, desenvolvimento tecnológico e prestação de serviços, riscos que podem comprometer a saúde do homem, dos animais, do meio ambiente ou a qualidade dos trabalhos desenvolvidos.”(Fundação Oswaldo Cruz)

Nesse caso somos os clientes dos prestadores de serviços , ainda que seja em festas beneficentes, ou até mesmo as domésticas. Segurança tem que estar em todo lugar…

Nós como profissionais da saúde, não deixamos os nossos deveres na escrivaninha do escritório, ou quando fechamos o notebook, ou dentro dos hospitais ou clínicas. Somos seres comprometidos com a saúde. Sempre! Vamos fazer esse exercício para curtir a festa de montão e proteger a turma toda.

5 Fontes de Risco – Biossegurança em Festa Junina.

1-Químicos 

  • Bebidas alcóolicas:A ingestão excessiva de álcool consideramos um risco químico? Penso que sim. Daí é também uma questão pessoal, fica difícil sair regulando o que cada um bebe. Mas se você é o responsável pela festa, é bom ficar de olho se não tem alguém inconveniente demais a ponto de comprometer a saúde alheia (e a própria). Outro cuidado é manter as crianças longe das bebidas, inclusive não deixando copos abandonados.
    • Prevenção: Ter lixeiras espalhadas e alguém de olho para recolher os copos perdidos.
  • Gases tóxicos:  são eliminados quando a madeira tratada é queimada,  entre eles arsênico, cuja inalação ou contato da fumaça com alimentos pode ser fatal.
    • Prevenção:cuide da procedência da madeira da fogueira e se usar para alimentos, como churrasco/espetinho por exemplo.

2-Físicos

  • Fogueira – Risco de queimaduras  e incêndio. Quem for montar a fogueira tem que ter experiência para que a as madeiras não desmoronem, e que as faíscas não atinjam áreas com folhas secas.
    • Prevenção : escolha da área, longe de coisas inflamáveis e das brincadeiras infantis. Um adulto deve ficar de guarda na área da fogueira, para impedir que crianças se aproximem.
  • Fogos de artifício: São lindos e alegram qualquer festa, mas é um dos maiores problemas nas festas juninas. Precisa de uns combinados para que os adultos cuidem das crianças, inclusive com as bombinhas pequenas. Uma boa idéia é colocar um cartaz explicativo. Divirta-se com responsabilidade!
    • Prevenção: para rojões, morteiros e artilharia pesada, contrate uma empresa especializada para montar o estande de fogos, o local deve ficar protegido para minimizar a possibilidade de acidentes. Cuidado com os que são muito baratos…Melhor ficar só na canjica!
  • Brincadeiras diversas: Atenção para que não vire uma dor de cabeça.
    • Prevenção:adequar as idades e ao instalar uma barraquinha de brincadeira, pense na segurança de quem jogar, e de quem vai cuidar da barraca. Por exemplo, substitua arco e flecha, por argolas, as flechas podem ser de ventosa, ao invés de pontas.
  • Queimadura para as pessoas que servem os alimentos e que se alimentam
    • Prevenção:
      • checar a instalação elétrica e de gás
      • proporcionar para que as panelas não sejam grandes demais para movimentar.
      • usar pegadores de panela com proteção térmica
      • avisar quando a comida estiver bem quente
      • servir em pratos e copos que evitem queimaduras e avisar quando estiverem muito quentes

Na maioria das vezes, as festas são em locais improvisados e montadas por voluntários em geral, não especializados. O cuidado vale também para eletricidade e outras instalações de brinquedos.

3-Biológicos 

  • Os alimentos…O risco é de uma intoxicação alimentar.
    • Prevenção:
      • Checar a origem de todos os alimentos
      • Tudo deve ficar refrigerado até o momento do preparo
      • Preparar e servir o mais rápido possível
      • Se for o caso, manter refrigerado para depois aquecer e servir
      • O que for aquecido deve estar bem quente
      • disponibilizar local adequado para higiene das mãos (e exigir que o façam)
      • Fornecer EPI para que manipula o alimento (exigir que usem da maneira correta)
      • quem recebe dinheiro não fica servindo : trabalhe com fichas
      • fornecer guardanapos
  • Sanitários
    • Proporcionar sanitários limpos e abastecidos, providenciar a sua limpeza durante a festa

4-Ergométricos

  • Prevenção:Quem está servindo usualmente é voluntário, faça turnos para não sobrecarregar. Se forem trabalhadores, respeite os intervalos para descanso. Verifique se o local para o qual a pessoa se ofereceu não a coloca em risco ergométrico ou de acidente.

5- Acidentes 

Quem trabalha na área já sabe, a grande maioria dos acidentes podem ser evitados, e o melhor momento para isso  é antes da festa começar.

  • Quedas:
    • Prevenção: Além de tudo que foi colocado, dê uma checada no piso:
      • que pode ficar engordurado
      • ou cair líquido
      • checar desníveis e se tem acessibilidade para pessoas com necessidades especiais.

Se tiver estacionamento, reservar vagas para idosos e deficientes físicos.

  • Esbarrões:
    • Prevenção: Isole as barracas com brincadeiras com movimentos, para evitar as trombadas com quem esta passando.

Lembrou de mais alguma?

Comente aqui.

Abraços e BOAS FESTAS JUNINAS!

Óia a cobra, Óia a chuva! Ta -ra-  ra-  ra -rá – ram

Liliana Junqueira de P.Donatelli (este post foi atualizado em 06 de junho de 2017)

Saiba tudo Sobre Biossegurança no Blog Biossegurança

 

Autor

Bióloga, Mestre em Saúde Coletiva, Coordenadora do Projeto Biossegurança em Odontologia, e mais recentemente do Projeto Biossegurança Beauty& Body Art, ambos patrocinados pela Cristófoli. Já ministrou mais de 500 palestras sobre o tema Biossegurança em Saúde e participa ativamente de entidades dedicadas ao Controle de Infecção em Saúde e Interesse à Saúde. É consultora em Biossegurança em Saúde da Cristófoli.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.