Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Apresentação da Empresa Fundada em 1991, a Cristófoli Equipamentos de Biossegurança é empresa líder em vendas de autoclaves de mesa no mercado nacional, já fabricou mais de 240 mil autoclaves para o Brasil e para mais de 30 países para onde exporta parte de sua produção. Os equipamentos fabricados pela Cristófoli são altamente funcionais, combinando tecnologia, design e sistemas diferenciados para atender cada vez melhor os seus clientes. Administrada pela família Cristófoli, tem sua sede na Rodovia BR-158, nº 127, em Campo Mourão, Paraná, Brasil. Fabricante e importadora de produtos para a saúde, a empresa tem vários diferenciais que a fazem uma das melhores do Brasil. Visão Ser referência mundial na área de saúde por crescer com criatividade, lucratividade e respeito às pessoas. Missão "Desenvolver soluções inovadoras para proteger a vida e promover a saúde". Histórico A Cristófoli se destaca por sua criatividade e inovação que há mais de 20 anos ajuda a construir a nossa história com invenções e produtos revolucionários para proteger a vida e promover a saúde. Certificações A conquista de um certificado é a aprovação para um sistema de gestão baseado em normas internacionais. É uma moderna ferramenta de administração e marketing que atesta a eficiência da empresa em determinada área para seus acionistas, clientes e mercado. Entretanto, para que uma empresa possa ser certificada, primeiramente um sistema de gestão deve ser implantado. Um sistema de gestão normatizado é a ferramenta mais moderna que existe para administrar informações, processos e pessoas envolvidas com uma ou mais atividades da empresa visando aumentar efetivamente sua eficiência. Clique nos certificados para visualizá-los. CERTIFICAÇÃO ISO 13485:2004 TUV MINISTÉRIO DA SAÚDE: AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO DA EMPRESA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO MOURÃO: ALVARÁ DE LICENÇA LICENÇA SANITÁRIA E DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL INSTITUTO AMBIENTAL DO PARANÁ: LICENÇA DE OPERAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO - 10363350016 CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - AUTOCLAVES CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - CUBA DE ULTRASSOM Fundação Educere A Fundação Educere é um Centro de Pesquisas e Desenvolvimento na área de biotecnologia, cujo foco principal é a incubação de empresas a partir de um projeto social inovador que atua na formação de jovens com potencial empreendedor. A instituição fornece suporte para o desenvolvimento de novos negócios voltados para a difusão e transferência de tecnologia na área biomédica, e é referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos inovadores e que agregam valor tecnológico, que estão presentes em todo o território nacional e em diversos países da América, Ásia e Europa. Visão Tornar Campo Mourão referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos de saúde. Missão Descobrir e potencializar novos talentos para desenvolver um mundo melhor.

 Odontologia – Esterilização de Peças de Mão ainda é um desafio a ser vencido

O recente editorial escrito na AJIC, relembra a principal justificativa para a esterilização de peças de mão em geral: esses artigos comprovadamente tornam-se contaminados durante o uso! Mesmo com a presença de válvulas anti-refluxo pode voltar contaminação do paciente anterior para a cavidade oral do novo paciente (isso se todo o procedimento de limpeza e esterilização não for realizado).

Editorial comenta  artigo brasileiro

Há quase um ano a mesma revista publicou um artigo de  uma pesquisa de autores brasileiros demonstrando a ineficácia da desinfecção externa das canetas de alta rotação utilizando-se álcool a 70% – procedimento amplamente utilizado no Brasil com vistas à desinfecção do instrumento. O editorial lembra que a pesquisa em questão não testa a contaminação interna. Porém enfatiza que os pesquisadores brasileiros reforçaram a necessidade de autoclavar esses instrumentos.

Leia a pesquisa na integra- Site AJIC disponibiliza acesso integral

Por que é tão difícil obter a aceitação da esterilização desses instrumentos?

O custo desses instrumentos é certamente um fator inibidor para a esterilização de peças de mão, e mais ainda o receio que os instrumentos se danifiquem ou que a sua vida útil diminua. Na verdade o que demanda é um investimento inicial para ter um maior número de instrumentos que permita o processamento. O cuidado constante com limpeza e lubrificação adequadas acaba prolongando a vida util ao invés de encurtá-la. Esse foi o depoimento que colhi de alguns cirurgiões-dentistas que sistematicamente realizam a esterilização desses instrumentos para cada paciente. Mas o que mais pesa, talvez seja a falta de entendimento do risco que estão expondo seus pacientes. Seria muito interessante uma pesquisa específica comparando a vida útil, mas creio que não passaria em nenhum comitê de ética, usar um grupo controle sem esterilizar …

Infelizmente, muitos profissionais da saúde ainda custam a acreditar no que não podem ver com seus olhos… Sugiro a leitura da bibiografia indicada nos dois artigos que trazem mais comprovações a respeito da contaminação interna desses instrumentos.

A recomendação para esterilização de peças de mão em Odontologia é do Guia do CDC de 1993!

Liliana Junqueira de P.Donatelli 

Leia mais sobre o assunto no Blog:

Pesquisa mostra ineficácia da desinfecção de canetas de alta rotação com álcool 70%

Conheça a autoclave Cristofoli Vitale Class

 

Autor

Bióloga, Mestre em Saúde Coletiva, Coordenadora do Projeto Biossegurança em Odontologia, e mais recentemente do Projeto Biossegurança Beauty& Body Art, ambos patrocinados pela Cristófoli. Já ministrou mais de 500 palestras sobre o tema Biossegurança em Saúde e participa ativamente de entidades dedicadas ao Controle de Infecção em Saúde e Interesse à Saúde. É consultora em Biossegurança em Saúde da Cristófoli.