Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Blog Biossegurança | Cristófoli

Apresentação da Empresa Fundada em 1991, a Cristófoli Equipamentos de Biossegurança é empresa líder em vendas de autoclaves de mesa no mercado nacional, já fabricou mais de 240 mil autoclaves para o Brasil e para mais de 30 países para onde exporta parte de sua produção. Os equipamentos fabricados pela Cristófoli são altamente funcionais, combinando tecnologia, design e sistemas diferenciados para atender cada vez melhor os seus clientes. Administrada pela família Cristófoli, tem sua sede na Rodovia BR-158, nº 127, em Campo Mourão, Paraná, Brasil. Fabricante e importadora de produtos para a saúde, a empresa tem vários diferenciais que a fazem uma das melhores do Brasil. Visão Ser referência mundial na área de saúde por crescer com criatividade, lucratividade e respeito às pessoas. Missão "Desenvolver soluções inovadoras para proteger a vida e promover a saúde". Histórico A Cristófoli se destaca por sua criatividade e inovação que há mais de 20 anos ajuda a construir a nossa história com invenções e produtos revolucionários para proteger a vida e promover a saúde. Certificações A conquista de um certificado é a aprovação para um sistema de gestão baseado em normas internacionais. É uma moderna ferramenta de administração e marketing que atesta a eficiência da empresa em determinada área para seus acionistas, clientes e mercado. Entretanto, para que uma empresa possa ser certificada, primeiramente um sistema de gestão deve ser implantado. Um sistema de gestão normatizado é a ferramenta mais moderna que existe para administrar informações, processos e pessoas envolvidas com uma ou mais atividades da empresa visando aumentar efetivamente sua eficiência. Clique nos certificados para visualizá-los. CERTIFICAÇÃO ISO 13485:2004 TUV MINISTÉRIO DA SAÚDE: AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO DA EMPRESA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO MOURÃO: ALVARÁ DE LICENÇA LICENÇA SANITÁRIA E DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL INSTITUTO AMBIENTAL DO PARANÁ: LICENÇA DE OPERAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - EMBALAGEM PARA ESTERILIZAÇÃO - 10363350016 CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - AUTOCLAVES CERTIFICADO DE REGISTRO ANVISA - CUBA DE ULTRASSOM Fundação Educere A Fundação Educere é um Centro de Pesquisas e Desenvolvimento na área de biotecnologia, cujo foco principal é a incubação de empresas a partir de um projeto social inovador que atua na formação de jovens com potencial empreendedor. A instituição fornece suporte para o desenvolvimento de novos negócios voltados para a difusão e transferência de tecnologia na área biomédica, e é referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos inovadores e que agregam valor tecnológico, que estão presentes em todo o território nacional e em diversos países da América, Ásia e Europa. Visão Tornar Campo Mourão referência em pesquisa e desenvolvimento de produtos de saúde. Missão Descobrir e potencializar novos talentos para desenvolver um mundo melhor.

As infecções provocadas por bactérias aderidas às próteses sempre foram um desafio na odontologia.

O polímero foi desenvolvido por um grupo de ortodontistas e pesquisadores de materiais na Holanda, incorporando sais de quaternário de amônio em sua composição para minimizar a formação de placas bacterianas sobre o material protético. O trabalho foi publicado em outubro de 2015 e gerou grande repercussão na mídia internacional, com reportagens em vários jornais de renome como o americano Washington Post   e o  britânico “The Guardian” .

O novo material poderá integrar próteses, aparelhos removíveis, placas de mordida, implantes impressos com a tecnologia 3D e o sonho de um dos idealizadores – adesivos para fixar elementos ortodônticos aos dentes eliminando grande parte das bactérias em contato com os elementos protéticos.

O grande desafio foi adequar um composto que tivesse a capacidade de eliminar bactérias na prótese, mas que não afetasse os tecidos bucais adjacentes nem a microbiota do intestino, por exemplo.

Os testes iniciais foram favoráveis  realizados “in vitro”, com saliva e Streptococus mutans (99% X 1% comparado ao controle). Porém ainda há muito a ser estudado, como os testes em humanos verificando, entre outros elementos, a interferência do uso do creme dental sobre o conjunto.

Quanto ao prazo para que o produto seja introduzido de fato no mercado é difícil determinar, Herrmann um dos autores do estudo, afirma que deve ser muito mais rápido quando comparado ao tempo entre o desenvolvimento de um medicamento até chegar as prateleiras de uma farmácia.

A digitalização na odontologia começou a ganhar terreno na área de prótese, pela sua praticidade e rapidez, tanto para realização da documentação que é feita por scanners ao invés de impressões , moldes, modelos quanto na confecção que é possível ser feita por impressoras 3D de alta precisão. As maiores desvantagens do equipamento tem sido o investimento inicial e o tempo para que o equipamento passe a dar lucro, além do espaço necessário relativamente grande para sua instalação. Com o avanço na tecnologia, esses inconvenientes vão sendo minimizados e possivelmente em algum momento no futuro esteja acessível aos consultórios odontológicos, como as impressoras para papel computadores – hoje quase em de uso com o advento da internet que transfere os dados em um passe de mágica!

O nosso desafio é decidir quando e quais as novas tecnologias devemos incluir ao nosso modelo de negócio.

O segredo é não ser o primeiro, nem o último!

Liliana Junqueira de P.Donatelli

Para saber mais:

Conheça mais sobre o universo 3D : Inside 3D Printing Conference& Expo 

Materials 360 online 

Yue, J., Zhao, P., Gerasimov, J. Y., van de Lagemaat, M., Grotenhuis, A., Rustema-Abbing, M., van der Mei, H. C., Busscher, H. J., Herrmann, A. and Ren, Y. (2015), 3D-Printable Antimicrobial Composite Resins. Adv. Funct. Mater., 25: 6756–6767.

Disponível em : https://www.researchgate.net/publication/282706003_3D-Printable_Antimicrobial_Composite_Resins

Autor

Bióloga, Mestre em Saúde Coletiva, Coordenadora do Projeto Biossegurança em Odontologia, e mais recentemente do Projeto Biossegurança Beauty& Body Art, ambos patrocinados pela Cristófoli. Já ministrou mais de 500 palestras sobre o tema Biossegurança em Saúde e participa ativamente de entidades dedicadas ao Controle de Infecção em Saúde e Interesse à Saúde. É consultora em Biossegurança em Saúde da Cristófoli.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.