Biossegurança – Só melhora quem planeja

Lembrando o conceito de Biossegurança, que  é “o conjunto de ações voltadas para a prevenção, minimização ou eliminação de riscos inerentes às atividades de pesquisa, produção, ensino, desenvolvimento tecnológico e prestação de serviços, visando à saúde do homem, dos animais, a preservação do meio ambiente e a qualidade dos resultados” (Teixeira & Valle, 1996).Para aprimorar as ações de prevenção e segurança é fundamental ter objetivos a curto, médio e longo prazo.

O que significa Biossegurança nos serviços de saúde e de interesse à saúde?

Basicamente a prevenção de riscos envolvidos no atendimento de pacientes e clientes. Lembrando que esses riscos também podem afetar os profissionais e até mesmo o meio ambiente. Quais são os principais riscos? Químicos, físicos, ergonômicos, acidentes, biológicos e até mesmos riscos psicológicos.

Reconhecer é o primeiro passo

Quando ministro as palestras de Biossegurança o primeiro desafio é fazer com que as pessoas reconheçam os riscos que estão presentes no seu ambiente de trabalho para que possam valorizar as ferramentas fornecidas pela palestra que visam a prevenção desses riscos.

Não adianta você dar receitas light para que não acha importante comer alimentos menos calóricos…

É a mesma coisa com biossegurança em cada serviço. Os profissionais precisam conhecer a realidade, entender qual é o certo, o recomendado e verificar o que é possível fazer para ficar saudável e dentro da legislação. As ações em Biossegurança são pautadas em legislação e envolvem a saúde de várias pessoas (paciente e profissionais) além da saúde da própria empresa. Afinal, se  não estiverem em conformidade com a legislação, pode comprometer a saúde financeira do estabelecimento.

Como estabelecer metas?

  1.  Verifique a legislação relacionada com o seu tipo de estabelecimento. DICA – Cheque a área de legislações da Biblioteca aqui no Blog Biossegurança;
  2. Cheque o que há de mais moderno em termos de Biossegurança. Em Odontologia temos o Checklist do CDC como referência padrão Ouro;
  3. Você pode usar o Biossegurômetro para avaliar as áreas de Limpeza, Embalagem e Monitorização da esterilização;
  4. Avalie cada uma dessas áreas e decida quais são as prioridades, com o prazo para implementação;
  5. Envolva toda a sua equipe e tome decisões conjuntas;
  6. Comemore cada etapa vencida!

E agora?

Mãos à obra!

Liliana Junqueira de P. Donatelli

Fique de olho na programação da  1ª Semana de Biossegurança em Odontologia da América Latina. Disponível aqui no Blog Biossegurança!

 

 

 

 

Autor

Bióloga, Mestre em Saúde Coletiva, Coordenadora do Projeto Biossegurança em Odontologia, e mais recentemente do Projeto Biossegurança Beauty& Body Art, ambos patrocinados pela Cristófoli. Já ministrou mais de 500 palestras sobre o tema Biossegurança em Saúde e participa ativamente de entidades dedicadas ao Controle de Infecção em Saúde e Interesse à Saúde. É consultora em Biossegurança em Saúde da Cristófoli.

2 Comentários


  1. Parabéns Dra Liliana. Voce poderia comentar sobre autoclaves classe B se são mais seguras no processo de esterilização. Grato


    • Olá Milton
      As autoclaves que realizam ciclos do tipo “B” usualmente denomindas Classe B são autoclaves com bomba de vácuo. Esses ciclos são adequados para esterilizar produtos para saúde canulados ou complexos. Para instrumentos chamados de superfície, como os metálicos comuns, as autoclaves sem bomba de vácuo e com teconologia mais avançada devidamente testadas e monitoradas são eficientes. Acredito que os ciclo B sejam o futuro para todas as autoclaves. Entretanto ainda temos um longo caminho a percorrer.
      Veja que o importante é realizar um conjunto de ações em Biossegurança. Ter sempre em mente o que pode ser melhorado, e estabelecer prioridades. Você pode ter a melhor autoclave do mundo, mas se o seu material não estiver limpo a esterilização não vai acontecer.Por isso temos que ter o compromisso de estudar bastante para tomar as decisões corretas.
      Estou aqui para ajudar com isso também!
      Abraços
      Liliana

Deixe uma resposta